quinta-feira, 26 de junho de 2014

             METTA- Movimento de Expansão de Tradições Thai e Artes                                                    
           IMERSÃO PRÁTICA E TREINO DE SEQUÊNCIA BÁSICA 
                       THAI YOGA MASSAGEM


A  Thai Yoga  Massagem é realizada no chão, sobre tatame ou colchonete. As sessões podem variar de 50 minutos a 2 horas. É recomendável o uso de roupas leves de algodão, moleton (roupas de ginástica: legning e camiseta, não é recomendado o uso de shorts ou roupas decotadas ou muito cavadas), traga uma muda de camiseta e toalha de rosto.

O Estilo Thai é praticado e orientado de forma a propiciar uma "ponte" entre o corpo e a mente, através do sistema nervoso, conduzindo através do toque ritmado, lento, profundo e fraterno, atingir um estado de profundo relaxamento que promove a auto-regulagem do sistema nervoso, circulatório e endócrino. 
O  foco do trabalho corporal está nas articulações e alinhamento correto do corpo e alongamentos  musculares, aliviando dores e encurtamentos dos membros e coluna vertebral. A acupressura segue as linhas dos meridianos Sen,  tem por objetivo equilibrar e ativar o organismo todo.

A nação Thai foi nômade. Originou-se no centro da China. Fortaleceu-se preservando suas tradições até hoje. 
De acordo com as antigas escrituras em Pali ( língua falada pelo povo Thai), a Thai Massagem é chamada Nuad Boran que significa: Massagem Antiga ou do Sábio Ancião, praticada como a a "Arte de Cura". 

Seu fundador é o legendário médico indiano Dr. Shivago Komarpaj, nascido a aproximadamente 2.600 anos, chamado carinhosamente de Pai Mestre Doutor Shivago. 
A monarquia, que o povo tailandês ama e respeita, insere na educação dos praticantes das tradições o respeito e preservação da Thai, chamando-a : Massagem Tradicional Tailandesa, por considerá-la um legado divino. Dizem os textos que : "vem de uma época em que a humanidade vivia mais perto de Deus" ,  portanto é considerada pelo povo e praticantes como sagrada!
  
DATAS: 30 (domingo) de 09 as 18h
              01 (segunda) de 09 as 17h
              02 (terça) de 18 as 21h

Conteúdo: Treinamento com o objetivo de do aprendizado prático de uma sequência de massagem básica para o corpo todo, seguindo a sequência conforme o ensinado no ITM - Institute of Thai Massagem do Mestre Chongkol Settakorn - Ching Mai - Tailândia.
Material de apoio e suporte, orientação de desenvolvimento do trabalho e ganhos com Thai Yoga Massagem.

Investimento : R$440,00
Forma de pagamento : R$ 100,00 na matrícula e reserva de vaga 
 restante no dia do curso
 à vista c/ 10% de desconto ou 3 X  no cartão de crédito

Programação: 
dia 30
 manhã: Posturas, movimentação e conhecimentos das "alavancas" do corpo.
            Desenvolvimento do ritmo, fluidez e continuidade característicos da técnica da Thai Yoga Massagem 
 tarde:  Conhecimento das "linhas Sen"; o rio de energia que flui através de nós.
             sequências : frente, sentado. 

 dia 01
manhã: costas, cabeça 
tarde: Prática da sequência com os alongamentos

dia 02: 
 Juntando tudo, sequência completa 
 Encerramento e  confraternização

 Local: STUDIO DA PRAÇA  
            Rua dos Mundurucus, 1728 - Batista Campos - Belém -PA


Buscando os 4 Estados Divinos da Mente
METTA: bondade , amorosidade
UPEKA: não julgamento, equanimidade
KARUNA: compaixão
MUDITA: alegria contagiante

Será oferecido nos intervalos :( manhã e tarde) suco, café, frutas e lanche 
Caso queira traga frutas, biscoitinhos ou seu almoço, pedindo atenção para que seja leve.
 Lembrando que o comércio não funciona e nosso intervalo é de apenas 1h, com breve descanso ( é um curso INTENSIVO de imersão na técnica !) nosso tempo é precioso e restrito.

caubarra2@gmail.com
(11) 9 9302-8737(claro) e 9 8710-3116(tim) SP
www.cacaucomgengibre.blogspot.com

segunda-feira, 16 de junho de 2014

São Jorge


"Eu andarei vestido e armado com as armas de são Jorge

Para que meus inimigos tendo pés não me alcancem

Tendo mãos não me peguem,tendo olhos não me vejam

E nem em pensamentos possam me fazer mal.

Armas de fogo o meu corpo não alcançarão ,facas e lanças 

Se quebrem sem meu corpo tocar,cordas e correntes se

 arrebentem s
em o meu corpo amarrar.

Jesus Cristo ,me proteja e me defenda com o poder da sua 

Santa e Divina graça .Virgem de Nazaré me cubra com seu 

manto sagrado e divino,protegendo-me em todas as minhas 

dores e aflições .
Deus na sua infinita e Divina Misericórdia e grande poder

Seja meu defensor contra as perseguições dos meus 

inimigos".

São Jorge
Desenho de Demóstenes Vargas Filho
Bordados Matizes Dumont

domingo, 15 de junho de 2014

O bom e poderoso Extrato de Alho


* traduzido do " gringolês", texto popular e de sabedorias antigas,  pelo Bing, mas dá bem pra entender...
Alho tibetano  em tintura mãe ou chamado também de extrato de alho:
 O tratamento de cura seu alho tibetano é um tratamento muito eficaz e barato que qualquer um pode aplicar e se beneficiar de suas propriedades, tornando-se em casa.

A receita foi encontrada num mosteiro budista no Tibete e é considerada um dos melhores para desintoxicar, purificar e fortalecer a imunidade.

Atua fortalecendo sua resistência contra infecções, ajuda a eliminar o colesterol, reduz os níveis de pressão arterial, limpa o corpo de gorduras (veias, artérias e tecidos, além do fígado), melhora o metabolismo e colabora com a redução de peso, é muito eficiente para  eliminar e dissolver coágulos e tumores , doenças respiratórias de todas as espécies, de sinusite à  bronco-pulmonares.

Também pode ser consumido em casos de dores de cabeça, artrite, gastrite e hemorróidas. Como já vimos em outras ocasiões, o alho é uma planta equipada com uma variedade de propriedades, e desde os tempos antigos já foram apreciados pelos monges tibetanos.
É portanto desintoxicante, hemenagoga, vermicida, fungicida, viricida, afina o sangue, regula e cuida de vários fluídos e eliminação de "catarros" trazendo benefícios a vários sistemas do organismo humano sem re-contaminar o ambiente em que vive e sem causar recidivas medicamentosas.

 Ingredientes:
350 g de alho, descascados,  cortar em cruz,(* cuidado queima a pele, vá passando azeite e lavando muitas vezes, é uma queimadura química, não fazer ao sol ou em local onde tenha muita luz, só depois de algum tempo se percebe, pode descascar a mão toda e unhas.)
¼ litro (250 ml) de água quente, tequila, conhaque,wisk , cachaça,voka ou algum destilado de boa procedência, etc... 


*Eu uso como no Ceará com a "aguardente alemã" o extrato de jalapa, pois,  a fonte, o texto, é tibetano, mas eu aprendi lá no Ceará, na farmácia popular da UFCE - Universidade Federal do Ceará.

Preparação: colocar em recipiente de vidro e água quente ou o destilado escolhido. Tampe bem vedado.

Leve à geladeira por 21 dias.
 Após esta passagem do tempo, passe por uma peneira.
 Coloque em um recipiente de vidro e trazer de volta para a geladeira por 12 dias.

Observações a tintura quando plasmada na água, podem tomar uma cor esverdeada.
Nos primeiros dias pode produzir tontura, erupções cutâneas, dor de estômago. 

Isto ocorre quando o paciente está muito intoxicado, devido a depuração que produzido no corpo.
Juntamente com água,  devem beber antes das 3 principais refeições.
Obs.:O tratamento deve ser repetido sómente depois de 3 anos.

Esta cura alho tibetano deve ser tendo em conta a tabela que anexado a foto (tomar tal qual é descrito na foto e quando se trata do montante de 25 gotas, toma 25 gotas 3 vezes ao dia) vantagens ou benefícios de alho alho tibetano de acordo com estudos médicos, acura tem  clara melhoria do sistema imunológico, reforçando assim nossa resistência contra infecções.
Ajuda a eliminar o colesterol.
É altamente eficaz para pressão alta e problemas de circulação, de acordo com o manuscrito tibetano, seus benefícios são a seguir limpe o corpo de gorduras e te liberta dos cálculos depositados.
Melhora o metabolismo e reduz o peso do corpo para o peso normal.
Desfazer os coágulos de sangue e torna-se mais elástica dos vasos sanguíneos, ótimo no tratamento de varizes, varicosas, rosácea e também cura a ateriosclerose.
Cura a isquemia, sinusite, hipertensão pulmonar e doenças dos bronquios.
Cure os doente miocárdio e diafragma.
Faz desaparecer a dor de cabeça.
Cura a trombose cerebral, artrite e artrose.
Cura reumatismo, gastrite, úlceras do estômago e hemorróidas.
Absorve todos os tipos de tumores internos e externos.
Curar distúrbios da visão e a audição.
Em geral,  todo o corpo se recupera.

Basicamente, estes são os efeitos colaterais, questões negativas e contra-indicações de alho tibetano de cura:  que se você fizer bem, não deve se repetir pelo menos uma vez a cada 3 anos. Que, pelo menos, é o que diz o manuscrito.

Pessoas com um estômago fraco ou facilmente irritável devem observar que você senti-los o remédio, para crianças idosos ou pessoas muito enfraquecidas, ou com infestação de verminoses pode ser tomado com meio copo de leite.

Pessoas com úlceras intestinais devem ser muito cuidadosas ao tomar isso, observar se houver sangramento intestinal parar o tratamento.

Em geral, todas as pessoas que tomar qualquer medicação (especialmente se "ter sangue grosso" ou anticoagulantes) primeiro pergunte ao seu médico ou especialista.

Cura do alho tibetano não pode ser repetida indefinidamente. Algumas versões falam de que você só pode fazê-lo todos a cada 3 anos, enquanto outros falam de que pode ser feito sempre que passar por situações e contaminação, tipo infestação de vermes e ambientes impróprios....

Pessoas que sofrem de úlceras intestinais ou tem um estômago muito fraco devem observar e ter acompanhamento atento para praticar esta cura..

A cura não deve ser cortada, deveria trazê-lo em um frasco de vidro, quando viajamos.

É normal se durante os primeiros dias de consumo erupções ocorrem na pele, tonturas, febre ou dor de estômago. Praticamente todas as curas de desintoxicação gerar problemas semelhantes, desde que para expulsar as toxinas onde estão alojados, eles começam a circular em ordem para ser eliminado e causar este tipo de problemas, por isso começar com doses bem reduzidas seguindo a tabela. (Traduzido por Bing)


SUGESTÃO: imprima e deixe junto ao frasco conta-gotas, vá ticando e conferindo, coloque no seu despertador do relógio e tome preferencialmente antes das refeições; siga a regra nesses 12 primeiros dias, invista com atenção nas doses homeopáticas e faça o tratamento por (em média) 3 meses e no final perceberá uma grande cura de muitos sintomas aparentemente desconexos mas que tem sua ligação pela sobrecarga de sistemas. É um poderoso agente de cura naturista, testado e aprovado por centenas de anos seguidos, e, como é uma tintura nem o hálito fica "contaminado" com seu cheiro forte característico. Faça e depois me conte 

sexta-feira, 6 de junho de 2014

Relação: Emoções/Órgãos choque

O Fígado:
Tem a função de decompor, armazenar e reconstruir a matéria corporal. Se a vida de uma pessoa se desmorona e ela não pode realizar a tarefa de reconstruir, então ela armazena sensações de estar sobrecarregada e muito demandada, o que pode gerar raiva, ódio e ressentimento. Muita gente de fato está sobrecarregada pelas circunstancias de suas vidas, porém o limiar difere amplamente e, por suposto, muitas pessoas têm distintas neuroses quando se sentem sobrecarregadas.
Os Pulmões:
Têm duas funções: inspiram a vida e expressam ideais através da fala. Se tens problemas com os pulmões, significa que sua expressão está sendo sufocada, não podendo se expressar livremente em alguma área de sua vida.
Quando a palavra de alguém subjuga a uma criança, por exemplo, esta criança pode se converter em uma pessoa muito barulhenta e que sempre pressiona os demais para que a escutem, havendo uma super estimulação dos pulmões, ou talvez se renda porque se encontra oprimida e fecha a comunicação, e então tem os pulmões fracos.
Geralmente, se alguém tem problemas com os pulmões, é porque precisa se ouvir e aprender novas formas de comunicação. E com respeito a se sentirem oprimidos, recordam que há certas pessoas que se sentem oprimidas em um segundo, isso é o que ela deseja que aconteça. Estão muito cheias e sem poderem drenar a sobrecarga, e por isso toda redução de stress é uma ajuda grande. Tem que buscar reduzir o stress.
A meditação reduz o stress e se aprender a fazer adequadamente é muito útil, porém se o faz somente num tempo curto este não consegue o efeito desejado.
O Estômago:
Se encarrega da assimilação das experiências, e se as pessoas se sentem muito sobrecarregadas por que é demasiado o que lhes passa, e não podem assimilar as coisas adequadamente, então o estômago começa a dar sinais de mau funcionamento e o resultado de uma preocupação cria uma rutura entre a mente e as emoções.
Recordem novamente que sente que é excessivo o que passa com aquelas pessoas que têm muitos problemas simultâneos, quando tudo está acontecendo muito rápido a todo tempo, sendo eles mesmos os que estão criando tudo isso, já que são padrões de conduta, portanto precisam cuidar do estômago.
O Pâncreas:
Tem que ver com o açúcar e com a doçura da vida, podendo o mesmo sofrer danos pela amargura, em especial naquelas pessoas coléricas ou muito amargadas, atualmente há muita gente sofrendo deste problema.
Os Rins:
Involucram emoções e são o canal processador de água mais importante, já que é aí onde se armazenam os temores resultantes de traumas, os quais lesam a vitalidade da pessoa, bloqueia sua motivação e seu entusiasmo. Quando o temor se deposita nos rins, o individuo se torna incapacitado de manejar situações emocionais futuras.
O Baço:
Retem os fracassos, os desejos de morte, apatia, e se uma pessoa enfrenta mais dificuldades do que pode suportar, pode ser que se dê por vencido, pode achar que realmente fracassou, e perde sua vontade e seu desejo de viver. Apresentam-se problemas de circulação, digestão, e indisposição, porque os sentimentos morrem, e tendemos a nos intelectualizar , ou vivermos na apatia eternamente e a suportamos e a alimentamos. Isso é um problema relacionado ao baço.
As Gônadas:
Elas armazenam o inconsciente; quando perde sua habilidade de conduzir-se a si mesma, perde o autodomínio e cai nas garras das drogas ou álcool, produzindo ferimentos e acidentes; quando as gônadas perdem seu próprio poder, dá lugar a que energias externas possam tomar posse de nós e nos possuir.
Coração:
Tem a ver com o amor, com os sentimentos, assim o dano ocasionado ao coração sempre é devido a sofrer alguma frustração ou a deceção com uma pessoa, e quando quebra a confiança, isso nos conduz ao temor, e também a ciúmes, egoísmo; tudo isso é negativo para o coração que começa a então dar sinais de alarme que devemos atender de imediato.
A Vesícula Biliar:
É o precursor a os problemas cardíacos. Ela sofre danos devido o temor à perda. Devido as tensões resultantes de uma falta de confiança na vida a vesícula começa a apresentar mau funcionamento.
Tem relação com a ansiedade e com o futuro e há que olhar o tema da conceção, se os pais não foram recetivos quando você foi concebido, se a alma passou por momentos de trauma que não foram bem resolvidos na nova encarnação e se há uma grande desilusão da alma sobre a forma como os pais cuidaram da criança, então há problemas na vesícula biliar.
Os Seios:
Representam o aspeto nutriente do feminino, como assim também à sexualidade e armazenam os sentimentos da mulher com respeito à sua sexualidade e de como os homens a veem.
De forma que há um trauma sexual, repressão, sentimentos negativos a respeito das expectativas de seu rol, então podem surgir lesões nos seis.
As Pernas:
Levam-nos para diante, nos sustentam, os problemas se apresentam quando a pessoa não teve a coragem de dar um passo novo. Muitas vezes é porque aquela pessoa não teve o apoio que ela crê necessitar, e então começa a ter problemas com suas pernas.
As Mãos:
Correspondem ao dar e receber, e o problema se desenvolve quando uma pessoa não se sente igual às outras ou tem sentimentos de inferioridade, e não pode encontrar o balanço justo entre o dar e o receber. Isso tem a ver como usa sua força de vontade ou a relega a outras pessoas de seu entorno.
Este desequilíbrio se produz por um ego super desenvolvido ou uma falta de autoestima. Pode manifestar-se em forma de artroses, artrites, descalcificação etc.
O Pescoço:
É a parte flexível da coluna dorsal, é o balanço de sua vontade com flexibilidade. Um Pescoço duro é uma atitude rígida, a tensão se sente no pescoço quando a própria rigidez lhe faz manter a conceitos rígidos e esses são desafiados, então começa a manifestar dor ao nível cervical (pescoço), como dores tensionais, bico de papagaio, discos desviados etc.
O Cabelo:
É governado pelo fígado de modo que a perda de cabelo se produz por que a pessoa está agarrada rigidamente ao rancor ou raiva. Quando alguém impõe sua vontade sobre os outros para simplesmente provar a todo custo o seu ponto de vista, estará trazendo à vista ressentimentos passados, ou seja, recordando-os. E são cabeças duras. Podem ter problemas com a queda de cabelos.
Os Quadris:
São os pontos de equilíbrio, é energia criativa associada com crianças.
É nossa habilidade de pararmos e valermos por nós mesmos; a flexibilidade nos quadris está relacionada com seu sentimento de liberdade pessoal, e aqui olhamos os adolescentes, nos quais se produzem temas sobre o sentimento de separação dos pais, das expectativas e de sua identidade sexual.
Se os adolescentes, não encontram seu próprio caminho, debaixo as diretrizes de seus pais, definindo-se segundo suas próprias emoções, vocação e sentimentos então os quadris não se desenvolvem adequadamente.
Igualmente quando um adulto é dominado por outras pessoas, talvez pelo mesmo sistema de vida, trabalho ou grupo social, em uma palavra: uma pessoa reprimida, há deterioração dos quadris que realmente surge de uma culpabilidade. Assim se sentimos culpa e ressentimento porque temos permitido que outros tomem decisões por nossa conta e não temos expressado nosso poder, apresentaremos deterioração nos quadris.
A Tiroide:
É onde armazenamos raiva, é o desejo de poder, de atitudes rígidas, quando as tiroides não funcionam bem. Há uma calcificação anormal nos ossos, podendo também desenvolver uma artrite e consequentemente um corpo rígido devido a pessoa ter uma mente rígida.
O Timo:
Armazena temor e governa nosso sistema imunológico de forma que o medo faz que uma pessoa retroceda e se achique e pode perder sua integridade em uma situação, e quando isto sucede o corpo permite a entrada de vírus.
Quando alguém está com um vírus, precisa buscar saber como surgiu o temor em sua vida, como e onde se amedrontou frente a uma situação, tem que voltar a essa situação e imaginá-la de forma diferente e mudá-la e isso ajuda a combater o vírus.
As Glândulas Suprarrenais:
Armazenam a pena e nos leva ao complexo de vítimas, luto ou fujo? Sempre creem que há algo aí afora que vai se apoderar deles e os está perseguindo.
Quando não estão dispostos a suportar amorosamente uma experiência emocional dolorosa, essa pessoa reage como se o mundo fora o responsável por sua experiência dolorosa, e se esquece de que cada pessoa é responsável pela criação da sua própria vida.
A Glândula Pituitária:
Armazena pena reprimida, porque ao experimentar pena ou dor, pode ser uma porta ou um portão para uma consciência superior, depois que as críticas das glândulas inferiores são transmutados.
Suportando amorosamente a dor, isto permite que nós experimentemos a dualidade e nos reconciliemos e isto libera toda a parte do julgamento que fazemos, e essa liberação ajuda a glândula pituitária a se curar.
A dualidade representa o correto e o incorreto, o bom e o mau, o positivo ou negativo, a todo nível.
A Glândula Pineal:
Necessita de luz natural do dia, necessita de entusiasmo e se não há suficiente entusiasmo em sua vida, a glândula pineal não funciona adequadamente; assim tem que entrar em contato com a natureza, porque a natureza pode trazer algo de luz natural, e isso realmente vai ajudar.
A Coluna Vertebral:
A coluna vertebral representa sua vontade, a força de vontade, é como que quando um não mantem sua própria visão, ao enfrentar-se com a pressão que vem de fora, pode chegar a ter ESCOLIOSES, a distorção da coluna, a que se torce porque sua força de vontade se curva.
Quando alguém utiliza a coluna vertebral para fazer trabalho espiritual, a força de vontade está alinhada com a vontade divina, e algumas pessoas chamam co-criação, porém realmente se trata da coluna vertebral que se abre à Cundalini, a qual é simplesmente a parte feminina que se acha na coluna e à medida que nós nos damos conta dela, ela também vai dando conta de si.
Os Órgãos Sexuais:
São da reprodução, isto por suposto é a habilidade de expressar-se sexualmente. Pode haver uma inabilidade de receber a parte feminina se os pais desejaram uma criança do sexo oposto, pode ser que tenha dificuldade com a própria sexualidade e esteja se impondo um auto castigo.
A Escápula:
É aquele que se mantém por trás de si mesmo aquilo que quer esconder, ou que está no fundo de nossa mente, a parte inferior da escápula é o apoio; a dor nesta parte do corpo ocorre quando uma pessoa ressente-se ao não ter o apoio que espera receber, para conseguir algo.
A Bexiga:
Libera água, é a expressão de manifestar exteriormente sua emoção. Se a bexiga é fraca, a pessoa sente dificuldades em expressar seus sentimentos.
O Intestino Delgado:
É a etapa final da digestão, é o início da absorção, provê a base para a construção e o crescimento constrói sua personalidade, seu caráter, sua força de vontade, sua confiança, porém o mais importante de tudo é que reflete os estados mais importantes de nossa vida.
De modo que pode ser realmente que o intestino não funcione bem quando se sofre uma grande vergonha. Essa vergonha é sofrida na primeira infância. São muito conscientes, ocorreram com pessoas bem próximas. Ficarão achando que não estão se importando ou pensando nelas, mas sentem a vergonha na escola, na primeira vez que menstruam, com as crianças com quem brincam, com algum parente que lhes fez sentir vergonha.
O Intestino Grosso:
Tem que ver com a matéria sólida e nos mostra se somos capazes de lidar bem com todos os temas materiais.
O Intestino Grosso tem a ver totalmente com o deixar ir e soltar todas as coisas que não nos servem mais, e a incapacidade de deixar ir pode ser o resultado de um medo à perda. Que é o que se perde se deixar-se ir? Tem que fixar-se de volta no momento da conceção, que é o momento em que se formou essa atitude da personalidade da pessoa.
postado por Alda Rodrigues(F.B.)